segunda-feira, janeiro 11, 2010

Um assalto sem gosto, mas com sabor a ovo cozido!

20h do dia de sexta-feira, dia 8 de Janeiro de 2010. Área de Serviço de Alcochete, lado Sul. Beto Fura-Corsas está à cota no seu esconderijo dentro da estação de serviço que chegue mais um exemplar de um Corsa que seja a sua próxima vítima. Ele começou esta carreira já há uns quantos anos e tem beneficiado do facto do Opel Corsa ser dos modelos carros preferidos pelos portugueses. Graças a isso já roubou mais de 50 Corsas desde 2006. Basta uma chave de parafusos e um martelo e o golpe no ponto certo para aproveitar uma falha no mecanismo de fecho do carro para destrancar imediatamente o carro. Está cada vez mais aperfeiçoado na sua técnica de tal forma que em um ou dois segundos dá o golpe com a quantidade de força suficiente para fazer o furo na chassis da porta e destrancar um Corsa. Chega então o momento. Apesar do frio, Beto Fura-Corsas vê chegar um Corsa dentro da estação de serviço. Este é cinzento-metálico e é de 2003 ! Perfeito ! É dos mais antigos que ainda não mudaram os fechos de acordo com o novo sistema. O dono do carro estaciona-o em frente à estação de serviço e vai para o restaurante. Eis chegado o momento, Beto aproxima-se do Corsa e vê que tem algo a brilhar lá dentro que o distrai inicialmente à medida que se vai aproximando da sua próxima vítima. Quando chega mais perto vê que se trata de um aparelho de GPS montado no vidro. "Bah !" Pensa Beto Fura-Corsas, não preciso de GPS's para nada. "Não é isso que quero e já roubei uns quantos, e a malta receptadora dos roubos já tem montes deles." Aproxima-se e vê que o dono do carro, porventura mais faminto que outra coisa, também deixou o auto-rádio com o painel destacável no sítio. "Mas também não é isso que eu quero" - pensa Beto Fura-Corsas. Chega então mesmo junto do carro, olha lá para dentro e, apesar da fraca iluminação do interior do carro, encontra finalmente algo que lhe interessa - uma mochila grande e recheada porventura de pertences pessoais incluindo, entre outras coisas, de dinheiro ! Eis então chegado o momento : Beto Fura-Corsas aplica o golpe com a chave de parafusos e o Martelo e pumba, o fecho cede e só carregar na abertura no fecho e já está ! Entra dentro do carro, tira a mochila em menos de nada. Beto FuraCorsas tornou-se tão exímio que consegue fazer tudo em menos de dez segundos. Novo recorde. Pensa ele. E a mochila ainda por cima é pesada! Deve ter mta coisa lá dentro de jeito. E, contente com a sua façanha, retira-se para um local recôndito da estação de serviço. Entretanto, o dono do Corsa, já saciado da fome, regressa e repara que que o carro ficou destrancado ! "Pah, devo ter-me esquecido em trancá-lo." Tá escuro e só pensa pôr o carro a trabalhar sem dar por nada que lhe falta e que neste momento já não está na sua posse, mas sim que se encontra a ser aberto pelo nosso amigo Beto Fura Corsas, nas traseiras da estação de serviço: ao abrir a mochila, Uma Nike cinzento e preta, apercebe-se que o único conteúdo desta é um tupper-ware azul meio transparente e uma pasta de papéis com papelada como facturas de médico e papéis de seguro. Mas nada, nada de dinheiro ! Ainda vê que, juntamente com os papéis se encontra lá um livro que ainda por cima tá escrito em inglês intitulado The meme machine , mas nada que seja de valor para o nosso amigo Beto Fura-Corsas. Se ainda ao menos fosse a Playboy ! Já aborrecido com o logro que foi que não deu em nada, abre o tupper-ware à procura quem sabe de alguma coisa que seja de interesse e vê que lá dentro tem um saquinho de papel que parece ter qualquer coisa dentro: ele puxa-a para fora e vê que é um ovo cozido ! Nos compartimentos laterais da mochila, já irritado por não ter conseguido nada de jeito, só encontra um saquito roxo com objectos de higiene bucal do assaltado, que além da escova e pasta de dentes, soma-se gel para aftas e stick contra gretas labiais (o vulgo "cieiro"). Mais encontra só uma bolsa para óculos. Se calhar tem aqui uns óculos escuros da Vogue, pensa, finalmente qualquer coisa de jeito, pensa para si para lhe aliviar o desespero que o vai invadindo aos poucos. Mas não, a bolsa tá vazia. "Meeerrdda !!!! F***** !!!! - Beto Fura-Corsas dá um berro de desespero que por pouco denuncia a sua presença dentro da estação de serviço por ter assaltado um carro e levado a mochila sem nada de valor. E o carro que ele ainda podia ir tirar o GPS e autorádio já se tinha posto a milhas! Mais nada a fazer. E atira com a mochila e todos os objectos encontrados para os caixotes de lixo da estação de serviço ! Tanto trabalho no meio do frio cortante do mês de Janeiro para obter ao menos umas massas para comprar umas mortalhas para enrolar chamon. E agora, nem isso ! Bah, da próxima vez, levo tudo, GPS, auto-rádio incluído, que era o que eu devia ter levado! Quanto ao dono do Opel Corsa, já a caminho do algarve, ainda não se apercebeu que lhe falta um objecto pessoal dentro do carro. Só ao parar na área de serviço de Alcácer de Sal repara que lhe falta a mochila da Nike! "Deve ter ficado esquecida no local de trabalho, no Tagus Parque." Quando regressar na segunda-feira, devo lá reencontrá-la de certeza, com o ovo cozido que não tinha sido comido no almoço e que tinha decidido deixar lá dentro do tupper-ware para quando pudesse voltar a ter fome. Mas não, ao chegar a casa do amigo Zé no Algarve, repara que tem um buraco junto do fecho da porta do condutor e que a chave, metida na fechadura já não funciona. Só o fecho automático agora consegue trancar e destrancar as portas do carro. Chegaram a este ponto da história ainda sem saber quem era o dono do Opel Corsa que foi assaltado pelo nosso amigo Beto Fura-Corsas ? Então eu digo-lhes quem foi : eu ! Pois é , tive muita sorte em só me terem levado uma mochila da Nike sem nada de muito importante lá dentro, mas vou sentir a falta da mochila da Nike, porque ela tinha sido a minha companheira inseparável nas minhas últimas jornadas da rota da costa. Nunca mais vou voltar a vê-la, perdida, agora, como está, na lixeira da estação de serviço de Alcochete Sul. E também nunca mais vou ter oportunidade de acabar de ler o meu querido livro The Meme Machine, que estava a gostar tanto! Vou também sentir a falta do meu saquito de higiene bucal com a escova dos dentes e a pasta. Uma Colgate maravilhosa ! Vai-me faltar o meu stick contra gretas labiais, mas que se lixe: compro outro, que é o mesmo que vou fazer para o gel para as aftas. Isso também se compra semp problemas numa para-farmácia ! A bolsa dos óculos é que é pena, porque eu estava a usá-la para guardar umas capas escuras anti-sol que se encaixam num óculos. Essas devem ter ido de vez. Bem, e chega por hoje , vou mas é dormir !

2 Comentários:

Blogger M disse...

Aconteceu o mesmo a uma prima minha no referido local, este fim de semana, com a agravante de lhe terem furado um pneu.
O carro tb é um Corsa. (coincidência)

16 outubro, 2011 09:23 
Blogger digfish disse...

Significa tal que provavelmente (dois anos passados) que se trata provavelmente do mesmo indivíduo.

16 outubro, 2011 13:06 

Enviar um comentário

<< Início