sábado, julho 16, 2005

Ondas gigantes há muitas, seus palermas...

As aparências bem enganam... é o melhor título que posso encontrar para descrever a situação que se passa na foto da direita e que foi tirada no passado dia 3 de Julho. Nesse dia devia haver uma humidade fora do vulgar, resultado da evaporação da água do mar conjuntamente com uma queda da temperatura a nível do mar terá favorecido a origem de nevoeiros no mar que provocam efeitos visuais na linha do horizonte dos quais o que aparece na foto é um exemplo. Estes nevoeiros provocam efeitos curiosos na linha do horizonte, dando a ilusão, para alguns observadores, de se tratar de uma "onda gigante" que parece vir a caminho da costa. Foi isso que se passou na tarde do dia 22 de Agosto de 2000, por sinal dia do meu aniversário. Nesse dia, este curioso fenómeno irrompeu com uma força que nem eu próprio tinha deparado antes, apesar de já o conhecer sobremaneira desde pequeno, e o que se terá provavelmente passado foi que o fenómeno se terá estendido até à metade ocidental do Algarve conhecida por Barlavento, onde pelos vistos não costuma ser muito vulgar, e pela intensidade que venha manifestando, terá feito com que algumas mentes menos preparadas o dessem como uma "onda gigante", que na realidade, nunca o veio a ser. Alguém terá avisado as autoridades, e depois só faltou os serviços de Protecção Civil de Faro darem o aviso, para que a Onda Gigante se tornasse "oficial", pelo menos para as autoridades, que ordenaram de imediato a evacuação das praias. Eu quando ouvi tal notícia, não quis acreditar, e isto porque não tinha ocorrido qualquer actividade sísmica que provocasse um "tsunami". Ocorreram episódios insólitos como por exemplo pessoas que saíram dos restaurantes á beira-mar sem pagarem as contas. Nas praias da ria formosa, via-se as pessoas a formarem filas de dezenas de metros para fugirem para terra firme, não fosse a onda gigante, que estava ainda "congelada" na linha do horizonte, "descongelasse" de repente e começasse a irromper por aí fora, devastando tudo. Mas na verdade, a onda nunca saiu da linha do horizonte, porque nunca passou de um fenómeno atmosférico raro, mas que naquele dia de 22 de Agosto de 2000 surgiu com uma força nunca antes vista, pelo menos na minha memória. Sejamos sinceros, se fosse um tsunami, nunca daria tempo a que as pessoas fossem avisadas a tempo de se salvarem, como aconteceu no passado dia 26 de Dezembro, no Sudoeste Asiático. A onda avançaria a centenas de quilómetros por hora, nunca permitindos situações de ver pessoas paradas, sossegadas, a olhar para o mar e dizer "Olha vem aí uma onda gigante, vem ver!". Mas, de tudo isto, o que foi mais grave foi que autoridades como a Protecção Civil foram na cantiga, não possuíndo espírito crítico para distinguir a realidade da ficção. E parece que estes crassos erros, não ficaram por aqui, pois a última "onda gigante" que voltou a varrer as costas porutuguesas foi a que se verificou no passado dia 10 de Junho, na praia de Carcavelos, com o famoso "Arrastão", que, passado um mês, se veio a verificar, no fim de contas, que foi mais o efeito "bola de neve" de um pequeno grupo de indivíduos de origem africana que começou a assaltar as pessoas levou a que daí a que todos os frequentadores da "mesma cor" que estivessem na praia, passassem a ser considerados também como "perigosos", conjuntamente com o pânico que se foi instalando entre os banhistas. E a PSP de Lisboa quis responsabilizar os jornalistas pela história, mas afinal quem mandou pedir reforços foi a própria polícia, que começou por admitir que eram 500 os indivíduos a precipitar o Arrastão. Aonde iremos todos nós neste Portugal se continuarmos assim ...?

2 Comentários:

Anonymous Anónimo disse...

Oh nao, tens outro blog.
Mas achas q alguem liga aos teus blogs oh caixa de oculos.

Ja agora, a onda formada pelos tsunami nao se ve de longe, o que sim acontece é q o nivel de agua sobe.

Outra coisa, es uma merda no que se trata de linux, por isso deixa de falar de linux de uma vez por todas. Nao é vergonha nenhuma dizer q se usa windows, vergonha é andar querer aldrabar toda a gente tu e o teu VMWare.

18 julho, 2005 03:20 
Blogger pescadorDigital disse...

So um comentario: és um tadinho...

Conspurca o meu blog à vontade que da minha parte, só vais receber pura ignorância

19 julho, 2005 00:45 

Enviar um comentário

<< Início